Vencendo a Inconstância com as marcas de um verdadeiro Cristão!

14 07 2011

Ultimamente a palavra inconstância tem me chamado muita atenção, não só por ouvi-la varias vezes no meu dia a dia, como também por sentir a necessidade de citá-la durante conversas que eu tenha tido.

 

Salmos 42 nos diz que o salmista está passando por um deserto

 

O maior desafio é manter ativo em nós a capacidade de manter-nos equilibrados, porque o mundo nos convida o tempo inteiro a nos desequilibrarmos, a perdemos o controle, a chutarmos o balde.

 

Quanto mais forte é um caráter, menos sujeito está à inconstância.

A falta de conhecimento de nós mesmos, causa inconstância no comportamento e altera negativamente o caráter.

Você trata pessoas de uma forma gentil uma hora, outra hora você é arrogante.

Você magoa as pessoas que não te fazem mal.

 

A inconstância te torna escravo de 6 emoções: Sofrimento, Medo, Ansiedade, Tristeza, Culpa e Raiva.

Começamos o dia bem, mas ao longo do dia vamos se deparando com o nosso “EU” e daí começamos a expor o nosso lado “selvagem”.

 

Nem sempre o que a gente faz é o que a gente quer, e nem sempre o que a gente quer é o que a gente faz.

Parece que nossa vida é uma roda gigante, uma hora estamos embaixo outra hora estamos em cima.

Não podemos nos conformar com o fogo hoje e amanha estamos parecendo uma geladeira. (Romanos 12.2)

Uma pessoa inconstante nada mais é do que uma pessoa que muda conforme as situações, conforme o que lhe é apresentado.

Tiago 1.1-8 “…homem de ânimo dobre (vacilante)…”

Sua linguagem pode ser espiritual, mas no dia seguinte você não é melhor que qualquer pessoas mundana.

PV. 3.6

 

O segredo está no equilíbrio.

Para termos equilíbrio, precisamos de: Prudência, Temperança, Fortaleza e Justiça. (Fruto do Espírito)

 

Entre as definições de inconstância, uma delas é a facilidade de mudar de opinião.

É possível que a inconstância imprima características de Transtorno de Personalidade como sentimentos crônicos de vazio, tédio e raiva. Que é causada pela falta constante de busca ao Senhor.

A inconstância está ligada a irritação, sendo que um dos frutos do Espírito Santo é o domínio próprio e mansidão.

Muitas pessoas são instáveis, indecisas, não tem alvos determinados, nem sabem o que querem. A cada dia correm atrás de um propósito diferente. Busca algo que amanhã é esquecido. Só pensa apenas nas necessidades imediatas. (Hebreus 12.1-3)

A inconstância é muito prejudicial quando afeta aspectos importantes da vida.

A inconstância te faz mudar muitas coisas de pouco em pouco tempo. A planta que vive sendo trocada de lugar, sem que possa criar raízes profundas, não produzirá frutos e poderá morrer antes do tempo.

Vida sentimental é outro setor, cada hora está com uma, ou cada hora desejando uma diferente, porque a inconstância não te permite esperar.

Quem coloca um pé no barco e mantém o outro em terra firme, acaba caindo na água.

 

Jesus deseja que sejamos seus seguidores, decididos e persistentes, a respeito das dificuldades. Ele disse aos seus discípulos: João 15.5 “Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque, sem mim, nada podeis fazer.”

O bebê não pode ficar sempre no útero, e depois que nasce, não pode para em nenhum estágio do seu desenvolvimento.

O contrário de inconstância seria perseverança, mas quando perseveramos em algo medíocre isto se torna um defeito, porque você poderia ter alcançado coisas melhores.

Jesus disse: Lucas 24.49 “E eis que sobre vós envio a promessa do meu Pai: Ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder.”

 

No primeiro momento, eles não deveriam ausentar-se da cidade. Entretanto, não poderiam viver lá para sempre. O limite entre uma e outra atitude encontra-se na palavra “até”. Era preciso avançar, crescer, progredir. Nós também não podemos parar. Seja na vida espiritual ou material

Efésios 4.14

Grande parte das nossas dores é porque Deus diz não ou disse para esperar, ai entramos em desespero, entramos em crise, murmuramos.

Quando dissemos que não agüentamos mais, nos tornamos um frouxo, você está dizendo que Deus é mentiroso, pois na sua Palavra ele diz que não sobrevirá sobre vós tentação maior que possamos suportar, e você pode todas as coisas naquele que te fortalece.

Então você pode suportar, nenhum problema é maior do que você.

 

Eu não sei qual o tamanho do seu problema, mas eu sei o tamanho do meu Deus.

Você é guerreiro de Deus, você é valente de Deus.

 

Não preciso sentir arrepios para identificar Deus.

Não sou o termômetro de Deus, ele disse “Eis que estou convosco todos os dias”

Deus não mente, Deus está contigo!

Está passando luta? Deus está com você!

 

Assim como nos alimentamos diariamente, se deixarmos de nos alimentar sentiremos fome, mas no espiritual, talvez seja quase imperceptível, porque assim como Deus falou com Adão que ele morreria, ele morreu mas não sentiu, porque era morte espiritual, então acorde e trate de se alimentar diariamente, porque você está morrendo!

 

Deus hoje quer te fortalecer, vaciná-lo com o antídoto da persistência, para que você jamais desista de uma vida apaixonada de Fé em Jesus.

 

Então qual seria a melhor versão de você?

Você no hoje, ou um tempo atrás?

 

Combatendo a inconstância: Orando, Lendo a Palavra, Vigiando, Lembrando de suas experiências com Deus, testemunhando e carregando tua cruz.

 

Abandone a sua vida vazia, e encha-se com o Espírito Santo.

A única forma de o fogo de apagar é não fazendo nada, pois a tendência natural do fogo é se apagar.

 

Jesus abençoe

 Por Lineker Costa





O Privilégio de ser Jovem

24 02 2011
Conheço jovens de várias idades, classes sociais e de famílias diferentes, mas o diferencial de um jovem na igreja, fiel ao senhor e que leva a sério as coisas do reino, é muito grande.

Os jovens do mundo precisam de drogas para se alegrar. Presenciei uma conversa de um jovem de 18 anos pedindo ao pai para tomar uma dose, para chegar perto das garotas numa festa que iria, e o pai ao invés de corrigi-lo, disse-lhe: tome duas doses ao invés de uma.

Os jovens do mundo vivem uma disputa para ver quem consegue o melhor carro do pai,os jovens do mundo querem a roupa da melhor grife,querem a garota mais atraente sensualmente, contam quantas “pegaram” na noite passada aos outros amigos, muitas vezes só valorizam os amigos que tem carro ou dinheiro para pagar as noitadas, os jovens do mundo não valorizam a família, acham que ela é ‘’careta’’. Para eles os conselhos de seus pais nada valem.

Os jovens do Senhor são fieis às suas namoradas, não ficam, nem namoram com qualquer uma, os jovens do Senhor não precisam da bebida, ou das drogas para se alegrar, pois eles têm a alegria eterna dentro de si, que é a alegria do Espírito; os jovens do Senhor valorizam a família e os conselhos dos pais, pois sabem que tem sabedoria e experiência para passar para suas vidas; esses jovens são fortes com o Senhor e resistem às tentações que lhes sobrevêm, pois sabem que vale a pena pagar o preço de santidade.

Os jovens do Senhor valorizam as coisas eternas, a família, os amigos verdadeiros,o estudo que tem oportunidade,o casamento no tempo certo e com responsabilidade, o conhecimento da palavra de Deus,o ministério,a submissão à sua liderança e a obediência aos pais e aos líderes, seja no trabalho,em casa ou na igreja.

Com qual jovem você tem se identificado? Medite nisso e se ajuste ao que a palavra de Deus lhe ensina.Em Ecl.11;9 diz: ‘’ jovem, aproveite a sua mocidade e seja feliz enquanto é moço. Faça tudo o que quiser e siga os desejos do seu coração. Mas lembre de uma coisa: Deus o julgará por tudo o que fizer.’’

Fonte: http://salvavidaspib.wordpress.com/2011/02/12/o-privilegio-de-ser-jovem/





Deus criou tudo?

12 02 2011

Durante uma conferência com vários universitários, um professor da Universidade de Berlim desafiou seus alunos com esta pergunta:
“Deus criou tudo o que existe?”

Um aluno respondeu com grande certeza:
-Sim, Ele criou!

-Deus criou tudo?
Perguntou novamente o professor.

-Sim senhor, respondeu o jovem.

O professor indagou:
-Se Deus criou tudo, então Deus fez o mal? Pois o mal existe, e partindo do preceito de que nossas obras são um reflexo de nós mesmos, então Deus é mau?

O jovem ficou calado diante de tal resposta e o professor, feliz, se regozijava de ter provado mais uma vez que a fé era uma perda de tempo.

Outro estudante levantou a mão e disse:
-Posso fazer uma pergunta, professor?
-Lógico, foi a resposta do professor.

O jovem ficou de pé e perguntou:
-Professor, o frio existe?
-Que pergunta é essa? Lógico que existe, ou por acaso você nunca sentiu frio?

Com uma certa imponência rapaz respondeu:
-De fato, senhor, o frio não existe. Segundo as leis da Física, o que consideramos frio, na realidade é a ausência de calor. Todo corpo ou objeto é suscetível de estudo quando possui ou transmite energia, o calor é o que faz com que este corpo tenha ou transmita energia. O zero absoluto é a ausência total e absoluta de calor, todos os corpos ficam inertes, incapazes de reagir, mas o frio não existe. Nós criamos essa definição para descrever como nos sentimos se não temos calor.

-E, existe a escuridão? Continuou o estudante.
O professor respondeu temendo a continuação do estudante: Existe!

O estudante respondeu:
-Novamente comete um erro, senhor, a escuridão também não existe. A escuridão na realidade é a ausência de luz. A luz pode-se estudar, a escuridão não! Até existe o prisma de Nichols para decompor a luz branca nas várias cores de que está composta, com suas diferentes longitudes de ondas. A escuridão não!

Continuou:
-Um simples raio de luz atravessa as trevas e ilumina a superfície onde termina o raio de luz.
Como pode saber quão escuro está um espaço determinado? Com base na quantidade de luz presente nesse espaço, não é assim?! Escuridão é uma definição que o homem desenvolveu para descrever o que acontece quando não há luz presente.

Finalmente, o jovem perguntou ao professor:
-Senhor, o mal existe?

Certo de que para esta questão o aluno não teria explicação, professor respondeu:
-Claro que sim! Lógico que existe. Como disse desde o começo, vemos estupros, crimes e violência no mundo todo, essas coisas são do mal!

Com um sorriso no rosto o estudante respondeu:
-O mal não existe, senhor, pelo menos não existe por si mesmo. O mal é simplesmente a ausência do bem, é o mesmo dos casos anteriores, o mal é uma definição que o homem criou para descrever a ausência de Deus. Deus não criou o mal. Não é como a fé ou como o amor, que existem como existem o calor e a luz. O mal é o resultado da humanidade não ter Deus presente em seus corações. É como acontece com o frio quando não há calor, ou a escuridão quando não há luz.

Por volta dos anos 1900, este jovem foi aplaudido de pé, e o professor apenas balançou a cabeça
permanecendo calado… Imediatamente o diretor dirigiu-se àquele jovem e perguntou qual era seu nome?

E ele respondeu:
ALBERT EINSTEIN, senhor!

Fonte: http://salvavidaspib.wordpress.com/





Namoro Cristão

9 02 2011

Uhmmmm….Falar de namoro é sempre uma questão complicada, mas que sempre interessa. A questão de namoro sempre nos desperta dúvidas, em nós Cristãos muito mais, além de tantos fatores ainda existe o fator principal: Deus.

Nesse post eu quero falar diretamente pra você, rapaz, varão do Senhor(kkkkkk), que está com os hormônios já estourando, doido pra dar uns beijos na boca.
Leia com atenção e deixa o Espírito apagar esse fogo ai, porque ou o Espírito Santo apaga esse fogo, ou se bobear tu que vai acabar apagando o fogo do Espírito.
Primeiro de tudo: namoro não é apenas diversão, curtição ou pegação. É algo sério.
Garotas (pelo menos a maioria delas) têm sentimentos, elas não querem ser apenas um pedaço de carne feitas para saciar a sua “sede” (igualmente pra vocês meninas, que muitas vezes usam os meninos também).
Num relacionamento, a pessoa com a qual você se relaciona espera ser amada, apreciada, não apenas por ser bonita, mas por ser uma pessoa de caráter e que vale a pena ficar horas conversando. Pra começar um namoro você tem que se ter perspectiva. Você tem que ver se você casaria com aquela pessoa, ou ela é apenas uma paixão momentânea. O namoro é uma antecipação para o casamento. O namoro além de tudo é perigoso. Eu ouvi um testemunho de uma das filhas da Baby do Brasil, que Hoje é evangélica. E ela contava como conheceu seu marido. O cara era da Umbanda e tava afim dela. Resolveu ir na igreja onde ela freqüentava pra ver se conseguia “da uns pega” nela, e se fingia de crente(olha o perigo ai em meninas!) Levantava a mão na hora do louvor e tudo,pra imitar direitinho né? Até que um dia ele se converteu de verdade. E pediu ela em namoro, eles oraram um tempo pra ver se era isso que Deus queria,Deus confirmou e Começou o namoro. Ambos antes de se converterem tinham uma vida sexualmente ativa, e na hora que eles namoravam o beijo começava a esquentar e eles tinham que parar. O bagulho já tava ficando tão perigoso, que o RAPAZ (isso que é um homem segundo o coração de Deus) sugeriu pra namorada pra eles namorarem sem BEIJO NA BOCA (=O). E namoraram até casarem, e só voltaram a se beijar no casamento. O namoro é perigoso, principalmente para aqueles que já fizeram sexo. Já ouvi histórias de como é difícil ficar sem o sexo (tudo porque fez na hora errada).
Nem sempre também é o tempo certo pra namorar. No reino de Deus e na vida em sociedade temos obrigações, e temos que entender que muitas vezes é melhor não namorar porque o namoro ocupará um tempo na sua vida. Se você não tiver tempo, ou vai tirar o tempo do Reino (Mais provável) ou das obrigações seculares (muito pouco provável).
Na verdade varões, eu sou o tipo de cara que acredita que existe uma pessoa específica pra você, que Deus criou e tem preparado. Uma vez eu ouvi uma pregação de uma menina que escreveu “Romance a maneira de Deus”. Esqueci completamente o nome dela. E ela contava o testemunho do relacionamento dela. Ela falava que já tinha tido alguns namorados, e cada vez que terminava ela ficava um caco. E ela se questionava porque que ela que era cristã, e que não ultrapassava o limite do sexo, ela se dava mal, e com as amigas dela isso não acontecia. E ela disse que Deus lembrou ela de um versículo que ela tinha lido a pouco tempo em Provérbios 31.12 que diz : “Ela(a esposa) lhe faz bem(ao esposo) e não mal, todos os dias da sua vida.” E ela falou que o que Deus ministrou a ela foi que, o versículo diz que a esposa faz bem ao esposo por todos os dias, não apenas durante o casamento, mas por todos os dias da vida dela.Ou seja, desde que somos criados Deus tem alguém destinado para nós. E ela assumiu o desafio de honrar (olha que loucura) o marido dela, que ela ainda nem tinha conhecido a partir daquele momento. E mesmo solteira, ela não fazia coisas que ela considerava que o marido dela não fosse gostar, e ela orava pelo marido dela, mesmo sem conhece-lo. Até que ela conheceu um rapaz, que vivia da mesma maneira, e que pra esse rapaz Deus já havia mostrado quem era a menina que ele ainda ia conhecer que seria a esposa dele, e quando ele a conheceu ele já sabia que era ela. É nisso que eu acredito. Casamento não é brincadeira, e não é algo totalmente secular. Casamento é espiritual sim, envolve ministério e vida espiritual do casal, e pra discernir o que é espiritual, só o espiritual. A carne, os hormônios, o amor, a paixão não fazem um casamento no centro da vontade de Deus e sim o Espírito Santo agindo e trabalhando no casal. Eu escolhi esperar, ainda não assumi o desafio de honrar a minha esposa, até porque tinha esquecido disso, e me lembrei ao escrever esse post pra vocês. Bora assumir esse desafio juntos então??
Por fim, galera, existe uma coisa que nem todos nós pensamos. Isso passa longe da nossa cabeça. Que é o celibato, que não é coisa só de padre não. Jesus nos fala sobre o celibato em Mateus 19.12 falando que “existem aqueles que castraram a si mesmos(não no sentido literal tá gente!)por causa dos reinos dos céus”, e o próprio Jesus era celibatário. Paulo em 1Coríntios7 Paulo chega a dizer que é melhor para os solteiros permanecerem solteiros, porque o solteiro cuida apenas das coisas do Senhor, e o que casa não. Ele chega a dizer a seguinte frase no versículo 27: “Estás ligado à mulher? Não busque separar-te. Estás livres de mulher? Não busque mulher”. Mas ele também diz no versículo 8 e 9: “Digo, porém, aos solteiros e às viúvas, que lhes é bom ficar como eu. Mas, se não podem conter-se, casem-se. Porque melhor é casar do que abrasar-se”. Talvez você está pensando aí, “Celibato??Tá maluco??” (kkkkk) Eu já pensei em celibato. Quando eu criei o blog Parecido com Jesus, eu não imaginava ir tão longe, mas até nisso já pensei em seguir Jesus(kkkkk). Hoje não penso mais, mas se Deus me mandar ficar sozinho não vejo problema nenhum(Claro que vai ter que rolar uma obra nessa carne aqui, né Jesus!). E se você também de vez em quando pensa em celibato devido ao Reino, não grila com isso ou com que as pessoas vão dizer. Isso é você e um compromisso com Deus. Talvez você não se torne um celibatário, mas já é um sinal que você já tem começado a caminhar e a colocar o Reino dos Céus em primeiro lugar!
E você que não pensa em celibato. Não namore por namorar. Namoro é coisa seria. Antes vem o reino! E espere o tempo de Deus. Deixa ele apagar o seu fogo, e fuja dos perigos.Ore pra que ele envie AQUELA VAROA, que acima de tudo vai te apoiar e te sustentar. Ser sua companheira!
Espere No Senhor Galera




Se é Gospel pode né?

9 02 2011

gospel.jpg

Acordei esta manhã e fiz minha prece gospel, liguei o som e botei um cd de punk-rock gospel enquanto colocava minha vestimenta gospel. Então saí para dar um rolê gospel.

Na banca de jornal comprei uma revista de games gospel e outra de fofocas gospel, e fui lendo enquanto viajava de ônibus até o centro da cidade, onde teria uma “parada” gospel com uns amigos skatistas. Parei de ler quando reparei em uma mina gospel, muito gatinha, de piercing gospel, calça e mini-blusa gospel. Comecei ali mesmo no buzão uma paquera gospel e perguntei à brotinha gospel se queria ficar comigo. Ela, como “ficante” gospel topou. Convidei-a então para tomarmos um drink gospel em um barzinho gospel super badalado que conheço.

Depois fomos a um cinema gospel, onde no escurinho podia então dar uns amassos gospel nela. Mão gospel boba pra cá, mão gospel boba pra lá, estávamos a mil. Então depois do cine resolvemos ir até uma balada gospel descarregar nossa adrenalina toda em uma danceteria gospel.

Yeah! Demais!

Escureceu e não deixei ela ir pra casa. Convenci ela que sendo eu um cara gospel, não iria só “ficar” com ela, mas que logo-logo assumiria um namoro gospel. E com base nessa promessa a convenci a esticarmos nosso programa gospel, levando-a até um hotel gospel onde fizemos um amorzinho gospel.

Acompanhei ela depois até em casa, e ela me convidou para entrar. Conheci seus pais, crentes liberais, não muito gospel, mas gente-fina! Subimos até o seu quarto pois ela queria me mostrar seu cantinho gospel. Notei nas paredes pôsteres de seus artistas gospel preferidos e ela mostrou-me sua coleção de cds de reggae gospel, rap gospel e música eletrônica gospel. Enquanto ela foi até o banheiro, dei uma lida em seu diário gospel e vi que ela registrava todas as suas aventuras gospel com os carinhas gospel que conhecia. Fiquei imaginando que o meu nome e o que eu fizesse, preencheria as próximas páginas daquele caderno gospel.

Ficamos conversando até tarde e ela convidou-me a dormir na casa dela. Liguei pra minha mãe para avisar e ela embaçou na minha, porque não é gospel, é crente caretona. Gastei saliva para conseguir sua aprovação, garantindo que a noite seria completamente gospel e tranquilizei-a .

Trancamos a porta do quarto, acendemos um baseado gospel, curtimos uma viagem gospel em nossos delírios e depois fomos dormir, ela de roupa íntima gospel e eu, uma vez que não tinha outra roupa na mochila, fui pra cama só de cuecão gospel mesmo. Só então é que reparei em uma tatuagem gospel que ela tinha na virilha, muito louca.

De madrugada acordei e vomitei um pouco, o que, despertou-a . Então ligamos o chuveiro e tomamos um banho gospel quentinho. Carícia gospel pra cá, carícia gospel pra lá, não preciso dizer que acabamos fazendo um “sexozinho” gospel novamente. Que delícia!

Adoro esse negócio de ser gospel. Coitados dos meus pais crentes e de meu irmão evangélico mais velho… na época deles não existia ainda esse estilo de vida gospel com total liberdade. Faço o que quero, sem problemas, afinal se é gospel pode!

De fim-de-semana, enquanto meus pais vão na igreja, eu vou pegar onda gospel, ou vou pro “louvorzão” e aos points gospel zoar e azarar com meus gospel friends. Cada um na sua!

Minha mina é gospel, meus programas, o que compro, o que consumo, tudo é gospel, logo, não estou pecando certo? Afinal de contas eu sou jovem e tenho que aproveitar a vida!

Ei mano! Estou falando contigo!

Não vai responder?

Falô, falô!

Paz e amor brother!

Fonte: http://www.pibjf.com.br/conteudo/devocionais/se-e-gospel-pode/





Como saber qual é o meu Chamado?

27 01 2011

Esta é uma pergunta que ecoa em toda uma geração em nossos dias.

Certamente não houve em outra época da história do mundo a quantidade de homens, mulheres, jovens, adolescentes que têm sido chamados para ministérios “tempo integral” como em nossos dias e isso é tremendo, pois é o Pai levantando obreiros para Sua seara (Lucas 10:2).

pes

Mas muitos irmãos e irmãs têm dificuldades em discernir este assunto por separarem duas coisas que de fato são inseparáveis: Ministério e Destino!

O teu ministério é e sempre será alicerçado e edificado sobre seu destino, ou seja, o propósito pelo qual você nasceu! Este destino nasce quando nascemos novamente em Cristo Jesus.

Separar ministério e destino é como rasgar um livro ao meio e ficar apenas com uma das partes de modo que se conhece e se vive apenas parte do destino vivendo não mais que o estado da salvação onde se passa pela Terra sem fazer diferença alguma.

Para saber qual é o teu ministério você precisa de duas coisas:

Abandonar o MEDO e assumir suas CONVICÇÕES!

Vejo que hoje não há um de modo geral aquele temor em Deus que nos conduz ao nosso destino, mas sim um medo de se “errar” no chamado ministerial por causa de uma teologia de “imunidade espiritual” onde todas as coisas não devem concorrer para o bem dos que amam a Deus, mas devem ocorrer bem para aqueles que amam a Deus!

E enredados por essa teologia maligna começamos por medo e não por temor, buscar sinais a fim de descobrir nossos ministérios e, sobre esse tipo de sinal há um grande problema.

O problema não está em pedir os sinais, porém, nesta teologia de “garantias” onde acabamos por pedir sinais que apontem garantidamente ao nosso destino quando muitas vezes em nossas vidas não é e não será assim!

Desde quando a tomada de um homem por escravo aponta que ele se tornará em um governador? Desde nunca!

Mas esta é a história de Deus com José governador do Egito. Aos olhos humanos não haveria condições alguma daquele homem se tornar em um governador, nada sinalizava isso, nada apontava pra isso, mas seu destino o conduziu ao seu chamado.

Desde quando a velhice e a esterilidade de uma mulher apontam que seu marido será chamado de Pai de multidões? Desde nunca! Mas esta é a história de Deus com Sarah e Abraão.

Desde quando a vida de um pastor de ovelhas comum, sem nenhum estereótipo político demonstra que ele se tornará em o maior rei da história de Israel? Desde nunca! Mas está é a história de Deus com Davi.

Estas pessoas receberam de Deus SONHOS, desejos de Deus que consumiu a vida desses homens.

Qual é o desejo de Deus, o que Ele pôs que arde em teu coração?

É necessário abandonar o medo de assumir estes sonhos e sentimentos vindos da parte de Deus a fim de que você comece a caminhar sobre eles!

Se arde em teu coração missões internacionais, qual o problema?

Se queima em teu coração ser um ministro de música usado na direção da adoração, qual o problema?

Se teu coração pulsa forte pela pregação da palavra, pelo pastorado, qual o problema?

Se arde em ti ver cegos enxergando, aleijados caminhando, mortos ressuscitando, qual o problema?

Temos medo de assumir os sonhos de Deus, aquilo que queima em nosso coração porque é mais fácil ser incendiado pela idéia de ser um bem sucedido advogado do que ser um ganhador de almas, pois isso diante da sociedade não tem valor. Abandone este medo, assuma estes sonhos e convicções e nascerá de novo para si e para Deus.

Se você observar todos aqueles que foram usados por Deus para transformar a história de sua geração, verá que todos passaram por um período de sofrimento onde o Senhor gerou quebrantamento e sujeição aos Seus planos. Para aqueles que vão carregar o nome de alguém que mudou o curso da historia de sua geração em seus dias este sofrimento é imprescindível.

Sei que há lideres que contribuem em muito com esse medo gerado no coração de muitos por de fato não serem pais espirituais e sim ditadores, manipuladores de interesses, mas ainda assim te digo que, nem estes são capazes de impedir o que Deus tem pra ti. Saiba, Deus é maior que qualquer coisa que se nomeie nos céus na Terra ou debaixo da terra!

Deus tudo conhece, tudo vê e sabe de todo sofrimento que aflige sua alma por varias coisas, tantas vozes e fortalezas que a duras custas são derribadas e, embora não pareça há um bom proveito nisso.

Hebreus 5:8, diz que Jesus mesmo sendo Filho (sem pecado) aprendeu a OBEDIÊNCIA pelas COISAS QUE SOFREU!

Há um sofrimento que tem de curtir todo aquele que não será “mais um” em sua geração para que seja aperfeiçoado na obediência. Por isso não se pode separar ministério de destino, os dois são um. As coisas que acontecem em sua vida após renascido em Cristo tem haver com seu destino, nada do que acontece foge do controle de Deus, nada fará o Senhor mudar, te substituir assim como não fez com Jonas, com Moises, com Pedro e outros!

Esta compreensão não determina que será em muito ou pouco tempo se cumprirá em sua vida todas a coisas que Deus prometeu, esta compreensão só gera em você uma maturidade maior para compreender e passar os estágios de sua vida ate que se cumpram em ti todas coisas!

Pelo que seu coração queima? Este é o teu ministério!!!

E da mesma forma que erramos separando ministério e destino, erramos usando a palavra ministério como a parte espiritual de nossas vidas quando na verdade nãohá diferença alguma entre sua vida e seu ministério, não há como um ser maior que o outro, são estas duas coisas uma só!

Por isso se em seu coração queima a medicina, a advocacia, a fisioterapia, a psicologia, etc… Você de tratar isso com a mesma importância espiritual de um ministério tempo integral num contexto religioso, pois Deus ali quer manifestar também conhecimento e graça e poder!

Desejo que todos tenhamos ouvidos para ouvir o que o Espírito Santo nos diz!

*Se o Espírito Santo te ministrou através desta palavra, nos deixe um comentário do que Deus falou contigo, pois nos serve de incentivo. Divulgue o blog para que outros também sejam edificados!

Que Deus os abençoe.

Em Cristo e pelo reino,

Marcão.

Fonte: http://illuminar.wordpress.com/2009/01/02/como-saber-qual-e-o-meu-chamado/





Filme que recomendamos para você!

10 01 2011

Estou aqui para divulgar um filme muito bom, que tem tudo a ver com nosso ministério.